Luzia Lima-Rodrigues

 

 


 

Título da comunicação
O Sociodrama no desenvolvimento do papel do professor (inclusivo)

Resumo
Uma das necessidades de formação apontadas por professores está ligada com a falta, na sua formação inicial e contínua, de Unidades Curriculares ou cursos que lhes ensinassem como usar estratégias "inovadoras" de ensino, ou de professores que utilizassem metodologias activas e expressivas em suas aulas, e que dessem pistas claras sobre como intervir em contextos de diversidade, onde a cooperação é não só desejada como inevitável (Henriques e Lima-Rodrigues, 2010). Um fator-chave para esta formação seria que os professores pudessem ser ensinados através das mesmas estratégias que deveriam utilizar na sua vida profissional (Rodrigues & Lima-Rodrigues, 2011). Deveriam, também, analisar criticamente e ressignificar a própria maneira como a sua aprendizagem foi construída, ao longo de toda a sua escolarização. Nesta comunicação, partilharemos a nossa experiência com o sociodrama como metodologia de ensino em formações ligadas à Educação Inclusiva. Procuraremos demonstrar como o Sociodrama pode enriquecer a experiência pessoal do professor, salientar conteúdos que podem ser melhor aprendidos por via dos métodos activos e expressivos, e demonstrar como expressões (no caso, o Sociodrama) pode ser usado como forma alternativa de ensino, promovendo uma aprendizagem mais significativa (Lima-Rodrigues, 2014).

 


 

Apresentação

 

Registo áudio