Idalina Maria Sobral Alves da Costa Varino

Docente do 1.º Ciclo do Ensino Básico do Quadro do Agrupamento de Escolas Templários, onde desempenha funções de professora bibliotecária.
Concluiu o Curso do Magistério Primário em 1980, tendo posteriormente, em 2002,  terminado o Curso de Complemento de Formação Científica e Pedagógica para professores do 1. º CEB.
Desempenha funções em bibliotecas escolares (coordenadora, elemento da equipa e professora bibliotecária) há onze anos.
Em 2012, concluiu uma Pós Graduação em Ciências Documentais.
É coordenadora do Projeto “Todos Juntos Podemos Ler”, no Agrupamento de Escolas Templários.

 


 
Título da comunicação
“Todos Juntos Podemos Ler” no Agrupamento de Escolas Templários

Resumo
A Rede de Bibliotecas Escolares, o Plano Nacional de Leitura e a Direção de Serviços da Educação Especial e Apoios Sócio Educativos, criaram o Projeto “Todos Juntos Podemos Ler”, com o qual pretendem contribuir para que, nas escolas, as Bibliotecas Escolares se tornem efetivamente inclusivas.
O Agrupamento de Escolas Templários é frequentado por um número elevado de alunos (229 alunos) com necessidades educativas especiais de carácter permanente, aos quais se pretende facultar uma educação inclusiva, isto é, que tenha em conta as suas características, necessidades e interesses, conferindo-lhes assim reais oportunidades de serem bem sucedidos. Consciente, portanto, desta realidade, o Agrupamento, apresentou candidatura ao Projeto em maio de 2014.Tendo sido aprovada, proporcionou já a aquisição de equipamentos, software e fundo documental com que as bibliotecas foram apetrechadas, sendo o passo seguinte implementar um Projeto de Leitura que tem como objetivos contribuir para que os alunos desenvolvam competências de leitura, escrita e comunicação e para que se desenvolva uma cultura sólida de valorização e respeito pela diferença, na escola e na sociedade.
A dinamização do Projeto é da responsabilidade dos professores bibliotecários do Agrupamento e dos docentes do Departamento de Educação Especial, pretendendo-se envolver, ainda, os docentes titulares das turmas a que pertencem os alunos que integram o projeto, docentes diretores de turma, equipas das bibliotecas, docentes colaboradores, assistentes operacionais, familiares de alunos, técnicos, terapeutas e outros que possam vir a ser contactados e se revelem importantes para o projeto.

 


 

Apresentação